Na órbita de Aldebarã

bru34[fc8]
Organização: Damon Knight

Original: Now begins tomorrow – 1969 ( First flight )

Contos:

  • Os isolinguais (The isolinguals) – L. Sprague de Camp
  • Os fiéis (The faithful) – Lester del Rey
  • O destruidor negro (Black destroyer) – A. E. van Vogt
  • Linha de salvação (Life-line) – Robert A. Heinlein

Comentário: Destaco “Os fiéis”, um conto onde os animais se preparam para receber a herança da humanidade extinta. E destaco especialmente “Linha de salvação”, com as consequências da invenção de uma máquina que indica a data da morte.

Obs: A obra original tem dez contos.

Sobre o tempo e as estrelas

sobretempofc4

Autor: Arthur C. Clarke

Introdução: J. B. Priestley

Original: Of time and stars – 1972

Editora: Nova fronteira

Contos:

  • Os nove trilhões de nomes de Deus (The nine billion names of God)
  • Um macaco imitador pela casa (An ape about the house)
  • Dedos verdes (Green fingers)
  • Problemas com os nativos (Trouble with the natives)
  • Ao centro do cometa (Into the comet)
  • Nenhuma outra manhã (No morning after)
  • “Se eu te esquecesse, oh Terra…” (“If I forget thee, Oh Earth …”)
  • Quem está aí? (Who’s there?)
  • Todo o tempo do mundo (All the time in the world)
  • Esconde-esconde (Hide and seek)
  • Robin Hood (Robin Hood, F.R.S.)
  • A pressão de dentro (The fires within)
  • O inimigo esquecido (The forgotten enemy)
  • A orquídea relutante (The reluctant orchid)
  • Encontro no amanhecer (Encounter at dawn)
  • Problema de segurança (Security check)
  • Uma amiga de penas (Feathered friend)
  • A sentinela (The sentinel)

Comentário: Clarke, ao seu melhor nível, oferece-nos alguns vislumbres do futuro.

A nave espacial

naveespacialfc4
Original: Contos retirados de SF:’58: The Year’s Greatest Science Fiction and Fantasy – 1958

Editora: Clube do Livro

Contos:

  • A nave espacial (The edge of the sea) – Algis Budrys
  • Estranhas coisas (Game preserve) – Rog Phillips
  • Cidades fantasmas (Wilderness) – Zenna Henderson
  • Crime na ficção (Flying high) – Eugène Ionesco
  • Os desamparados (Now Let Us Sleep) – Avram Davidson

Comentário: Dois excelentes contos (2 e 5) e outro bastante bom (1).
Wilderness é um excerto de “Pilgrimage: The Book of the People” e não despertou vontade de ler o resto.

Obs: Asimov e Clarke estão na obra original. Aqui, só aparecem na capa…

Energia: Zero

energiazerofc8

Autor: Gary Brandner

Original: Energy Zero – 1976

Série: The big brain

Editora: Portugal Press

Colecção: OG

Número: 2

Comentário:

Algumas cidades americanas são afectadas por misteriosas falhas de energia. O nosso herói, uma espécie de computador humano, é destacado para investigar o caso.
História interessante e movimentada, um pouco na linha de “007”

Arquitetos do futuro

arquitetosfc4

Organização: Peter Haining

Editora: Expressão e Cultura

Contos:

  • O demonstrador quadridimensional (The eternal now) – Murray Leinster
  • Arma demasiado terrível para ser usada (The weapon too dreadful to use) – Isaac Asimov
  • Ab-reação (Abreaction) – Theodore Sturgeon
  • O flautista (The piper) – Ray Bradbury
  • Colombo era um otário (Columbus was a dope) – Robert A. Heinlein
  • O náufrago (Castaway) – Arthur C. Clarke
  • A hora da batalha (The hour of battle) – Robert Sheckley
  • Equador (Equator) – Brian W. Aldiss

Comentário:
8 mestres
8 histórias (algumas esquecidas) do início de carreira
8 pérolas
8 amostras do melhor que se pode fazer em FC

Obs: Inclui a primeira história escrita a solo por Bradbury e o primeiro conto publicado por Asimov.

Pórtico da eternidade

ura28[fc8]
Organização: Terry Carr

Original: New Worlds of Fantasy #3 – 1971

Contos:

  • Farrell e Lila, o lobisomem (Farrell and Lila the Werewolf) – Peter S. Beagle
  • Adão tinha três irmãos (Adam had three brothers) – R. A. Lafferty
  • Os círculos internos (The inner circles / The Winter flies) – Fritz Leiber
  • A sanguessuga de aço inoxidável (The stainless steel leech) – Roger Zelazny
  • Big Sam (Big Sam) – Avram Davidson
  • Funes, o memorioso (Funes el memorioso / Funes the memorious) – Jorge Luis Borges
  • Caninos da morte (Longtooth) – Edgar Pangborn

Comentário: Antologia com alguns nomes sonantes e contos bastante fracos. Salvam-se “Big Sam” e “Caninos da morte”

Obs: Os contos da obra original foram divididos entre este livro e “Os controladores“.

Os controladores

bru42[fc8]
Organização: Terry Carr

Original: New Worlds of Fantasy #3 – 1971

Contos:

  • Os controladores (The controllers) – René Martin
  • Sabor invasão (Invasion taste) – René Martin
  • Revelação (The discover) – René Martin
  • Abertura Von Goom (Von Goom’s Gambit) – Victor Contoski
  • A trança é que é (The plot is the thing) – Robert Bloch
  • A mensagem de Charity (A message from Charity) – William M. Lee
  • A bela adormecida (Sleeping beauty) – Terry Carr
  • Diga adeus ao vento (Say goodbye to the wind) – J. G. Ballard
  • Lentes embaçadas (Through a glass-darkly) – Zenna Henderson

Comentário: O conto de Ballard é demasiado estranho. Os outros andam entre o razoável e o bom. Uma agradável surpresa se tivermos em conta que os autores são, em geral, pouco conhecidos.

Obs: Os contos da obra original foram divididos entre este livro e “Pórtico da eternidade“.
A editora brasileira resolveu acrescentar os três contos de René Martin, um ufólogo latino-americano de renome.

O vento solar

ventosolar[fc4]

Autor: Arthur C. Clarke

Original: The wind from the Sun – 1972

Editora: Círculo do Livro

Contos:

  • O alimento dos deuses (The food of the gods)
  • Maelstrom II (Maelstrom II)
  • Os luminosos (The shining ones)
  • O vento solar (The wind from the Sun)
  • O segredo (The secret)
  • O último comando (The last command)
  • Frankenstein ao telefone (Dial F for Frankenstein)
  • Reunião (Reunion)
  • Playback (Playback)
  • A luz das trevas (The light of darkness)
  • A mais longa história de ficção científica já escrita (The longest Science-Fiction story ever told)
  • Herbert George Morley Roberts Wells, Esq. [ensaio] (Herbert George Morley Roberts Wells, Esq.)
  • Amar esse universo (Love that universe)
  • Cruzada (Crusade)
  • O céu impiedoso (The cruel sky)
  • Maré neutrónica (Neutron tide)
  • Passagem da Terra (Transit of Earth)
  • Encontro com Medusa (A meeting with Medusa)

Comentário: Todos os contos escritos na década de 60.
Muitos merecem nota máxima. Só fica a tristeza por não haver mais…

O “Senhor” da enseada

senhorenseada [fc]

Editora: Ráduga Moscovo

Colecção: Biblioteca de Ciência – Ficção e Aventuras

Número: 7

Contos:

  • O “Senhor” da enseada – S. Gansovski
  • As bolas negras – M. Pukhov
  • Uma excepção – B. Rudenko
  • Jogos pueris – A. Karguin
  • O Terrário – O. Larionova
  • Menino – G. Gor
  • O mundo é belo – A. Katsura
  • Género próprio – E. Marinin
  • O despertar – L. e E. Lukin
  • Barbeiro – S. Loguinov
  • Locomotiva para o Czar – K. Bulitchev

Obs: Não achei útil colocar aqui os títulos originais em russo

O sexo na moderna ficção científica

sexofc [fc]
Antologia de autores franceses

Selecção, notas e posfácio: Isabel Meireles

Original: 1976

Editora: Edições Afrodite

Contos:

  • A vana – Alain Dorémieux
  • O sonho mineral – Nathalie Ch. Henneberg
  • Lorelei – Jacqueline H. Osterrath
  • Afrodite 2080 – Michel Demuth
  • Delta – Christine Renard e Claude F. Cheinisse
  • Um gentleman – Gerard Klein
  • A hosita – Serge Nigon
  • Lembro-me do vento mau do espaço (Je me souviens du vent mauvais de l’espace) – Daniel Walther
  • Impossivel amor – Jean-Pierre Andrevon
  • Não havendo notícias não há novidade (pas de nouvelles, bonnes nouvelles) – Pierre Christin
  • O encontro no sul – Michel Jeury
  • Voltemos para casa, masculamor… – Bernard Mathon

Comentário: Dois ou três contos razoáveis. Os restantes não justificam a perda de tempo.

Obs.: Inclui coordenadas bibliográficas da ficção cientifica francesa por Isabel Meireles