Em busca de novos mundos

fontemarfc4

Autor: Oliveira de Fontemar

Original: Edição de autor – 1965

Comentário: Uma nave de exploração da Terra visita dois satélites de um planeta distante. No primeiro encontra algumas raças inteligentes com aspecto de animais. No segundo vivem seres humanos liliputianos.
Uma história um tanto infantil onde os poderosos terrestres tentam levar a “justiça” aos confins do universo.

Obs: Do mesmo autor, estava previsto “O planeta dos autómatos”

Zorgan, império cósmico

bru04[fc8]
Autor: John Rackham

Original: The double invaders – 1967

Comentário: A frota de Zorgan prepara-se para conquistar Scarta, um planeta pouco avançado, desarmado e escassamente povoado.
Parecia ser um passeio, mas os locais têm alguns trunfos na manga.
Leitura muito agradável. História cheia de surpresas, alternando entre o trágico e o cómico.

Vírus letal

bru28fc8

Autor: Barrington J. Bayley

Original: The star virus – 1970

Comentário: Rodrone é um pirata do espaço. Ao roubar um estranho artefacto pertence a uma raça inimiga vai ficar em sérios apuros.
Livro muito bom. Além da animação da história, levanta algumas questões bastante interessantes sobre a humanidade.

Obs: O vírus do título é metafórico.

Monstro de um mundo perdido

bru36[fc8]
Autor: John Brunner

Original: Enigma from Tantalus – 1965

Comentário: Uma nave está prestes a chegar à Terra. Suspeita-se que um dos passageiros não é humano mas uma cópia feita pelo superorganismo inteligente existente em Tantalus.
Todos parecem humanos. Nenhum teste deu resposta satisfatória. Estão desesperados para desembarcar. Como descobrir rapidamente o intruso?
Leitura rápida e agradável.
Parecendo um livro policial, é uma crítica à crescente dependência dos humanos relativamente às máquinas.

Expedição Centaurus

bru32fc8
Autor: Emil Petaja

Original: Alpha yes, Terra no! – 1965

Comentário: A humanidade já se expandiu pelo sistema solar e parte agora à conquista das estrelas. Os habitantes de Alpha Centaurus receiam este avanço e estão dispostos a cortar o mal pela raiz. Um renegado vem à Terra para melhor conhecer os humanos e tentar evitar a sua aniquilação.
O início do livro é prometedor. No entanto, a história vai perdendo interesse à medida que autor acrescenta improbabilidades (e impossibilidades) a esmo.

O terror vem do espaço

ura25[fc8]
Autor: John Brunner

Original: The rites of Ohe – 1963

Comentário:
Um imortal investiga o desaparecimento de um historiador psicossocial. Estará este caso relacionado com o alastrar de um culto suicida?
Um romance policial situado num futuro com várias espécies humanas espalhadas pela galáxia.
Leitura agradável, mas com algumas passagens confusas.

Obs: Título mal traduzido e pouco adequado ao conteúdo.

Maldição da Atlântida

bru27[fc8]
Autor: John Brunner

Original: The Atlantic abomination – 1960

Comentário: Uma rotineira expedição submarina no Oceano Atlântico liberta algo que excede os nossos piores pesadelos.
Conseguirá um único alienígena subjugar a humanidade?
Brunner consegue transformar um monte de clichés num bom livro de ficção científica.

Agulha

u3c21fc4
Autor: Hal Clement

Original: Needle – 1950

Comentário: Dois extraterrestres semilíquidos despenham-se ma Terra. Um é detective/caçador, o outro é criminoso/presa e precisam de habitar um hospedeiro (preferencialmente inteligente).
Um dos melhores livros que já encontrei sobre o contacto entre humanos e seres estranhos.

A voz dos mortos

vozmortos[fc8]

Autor: Orson Scott Card

Original: Speaker for the dead – 1986

Série: Ender Wiggin

Editora: Presença

Colecção: Viajantes no tempo

Número: 11

Comentário: Uma pequena colónia humana num mundo onde existe uma outra raça inteligente não tecnológica. Um hino ao respeito pela diferença.

A continuação de “O jogo final” é ainda melhor que o primeiro livro. Falta agora a publicação em Portugal do resto da série.

Obs: Prémios Hugo e Nebula

O dilema do astronauta

pn56 [fc]
Autor: Robert Silverberg

Original: Starman’s Quest – 1958

Comentário: Dois gémeos de dezassete anos. Um viajou para as estrelas a velocidades relativísticas enquanto o outro preferiu ficar na Terra. Está agora mais velho nove anos, mas a vida no século XXXIX não é fácil.
Uma história interessante com um final fraquinho.