O fim de Faena

fimfaena[fc4]

Autor: Aleksandre Kazantsev

Original: 1978

Editora: Raduga

Colecção: Biblioteca de Ciência – Ficção e Aventuras

Número: 9

Comentário: Faena é um planeta à beira do apocalipse nuclear, dividido entre duas potências rivais. Os filhos dos dois líderes apaixonam-se e casam em segredo.

Texto muito básico, mesmo simplório, impregnado de propaganda política.

Poção de Marte

Prefácio: Os voos da imaginação – Valentin Tchelnokov

Editora: Raduga

Colecção: Biblioteca de Ciência – Ficção e Aventuras

Número: 6

Novela:

  • Poção de Marte – Kir Bulitchev (Kir Bulychov)

Contos:

  • Inspiração – Victor Kolupaev
  • Afinador de pianos – Victor Kolupaev
  • Planeta que nada tem para dar – Olga Larionova

Comentário:

Um pequeno grupo de pessoas “tropeça” no elixir da juventude deixado há séculos por um marciano. A partir daí sucedem-se as peripécias.
Uma abordagem ligeira e bem humorada a um tema bastante comum.

Os três contos são de fácil leitura mas acrescentam pouco ao livro. Os de Kolupaev são do género fantástico e o de Larionova versa a (não) interferência em civilizações tecnologicamente mais atrasadas.

Obs: Não achei útil colocar aqui os títulos originais em russo

O hiperbolóide do engenheiro Garine

Autor: Alexei Tolstoi

Original: 1927

Editora: Raduga

Colecção: Biblioteca de Ciência – Ficção e Aventuras

Número: 10

Comentário: Um inventor genial e ambicioso, uma arma terrível, demasiados interessados.
A versão russa de “Senhor do mundo”, mas muito longe do brilhantismo de Verne.

Planeta azul

planetazulfc4
Prefácio: Suposição fantástica – Valentin Tchelnokov

Editora: Raduga

Colecção: Biblioteca de Ciência – Ficção e Aventuras

Número: 3

Contos:

  • Saber lançar a bola – Kirill Bulitchev (Kir Bulychov)
  • Quiosque de jornais – Victor Kolupaev
  • A menina – Victor Kolupaev
  • As duas faces – Olga Larionova
  • Onde a caça é digna de rei – Olga Larionova

Comentário: Os três primeiros contos trazem-nos um baixote gorducho de meia idade que se torna num excelente basquetebolista, uma rapariga que vende os jornais do dia seguinte e uns viajantes no tempo (involuntários). São histórias ligeiras, de leitura agradável, ora com um toque de drama, ora com um toque de humor.
Os dois últimos pendem para o fantástico e apresentam um estilo mais típico da literatura russa.

Obs: Não achei útil colocar aqui os títulos originais em russo

O “Senhor” da enseada

senhorenseada [fc]
Editora: Raduga

Colecção: Biblioteca de Ciência – Ficção e Aventuras

Número: 7

Contos:

  • O “Senhor” da enseada – S. Gansovski
  • As bolas negras – M. Pukhov
  • Uma excepção – B. Rudenko
  • Jogos pueris – A. Karguin
  • O Terrário – O. Larionova
  • Menino – G. Gor
  • O mundo é belo – A. Katsura
  • Género próprio – E. Marinin
  • O despertar – L. e E. Lukin
  • Barbeiro – S. Loguinov
  • Locomotiva para o Czar – K. Bulitchev (Kir Bulychov)

Comentário: Contos, entre o razoável e o bom, a maioria sobre contactos com extraterrestres.
Destaco os dois últimos pela forma como ilustram o encontro entre seres (pessoas) que vivem em níveis tecnológicos muito distintos.

Obs: Não achei útil colocar aqui os títulos originais em russo

Homem das neves

homem neves [fc]
Prefácio: V. Tchelnokov

Editora: Raduga

Colecção: Biblioteca de Ciência – Ficção e Aventuras

Número: 5

Contos:

  • História de um homem das neves – A. e S. Abramov
  • As tuas mãos são como o vento – V. Firsov
  • Cuidado com o canguru – V. Firsov
  • Água morta – I. Valentinov

Comentário: Duas histórias bastante boas (a primeira e a última, embora esta não seja FC) e outras duas bastante fraquinhas, apesar de uma delas ter alguma piada.

Obs: Não achei útil colocar aqui os títulos originais em russo